terça-feira, 12 de dezembro de 2006

Alma de poeta

Cá estou na sintonia do universo,
energia minha que se transforma em verso,
me perco no tempo pra mentalizar,
estrofes que surgem pra formalizar.

Realização filosófica e coerente,
Minh'alma de poeta sente,
palavras que tocam o coração,
de todo o ser humano em paixão.

Ainda busco meu real talento,
com arte e com fundamento,
criando frases com toda minha emoção,
contando com a divina inspiração.

Minha linguagem é doce, nobre, inspiradora,
agradável, poética e sedutora, cheia de luz e emoção,
quase um nível de perfeição?
fica demais aqui a pretenção!

Meus pensamentos são profundos,
preciso mergulhar neste mundo
mundo secreto deste meu ser,
tento repetidamente alguém envolver.

Sigo aqui minha intuição,
e assim nasce uma bela descrição,
sempre sugestiva e pertinente.
Minh'alma de poeta sente, toco vosso coração.

Minha sintonia com este mundo que encanta,
estuda, aprende, adianta, descobre, aprofunda e cria
deixo aqui minha mais nova e autêntica poesia,
e desta forma, naturalmente, deixo marcas eternamente.

Um comentário:

Fernando Costa disse...

Bacana - Sutil - Leve - Bem Leve - Por Fim: Sem Fim....Digo; Eternamente, é uma palavra que persegue algumas boas almas e sintonia, sintonia é a saudade quando vibra em dois coraçoes bem na hora da novela....Bjs minha querida - Saudades de Ti...